Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Fazenda > janeiro/19 > Ministério da Economia divulga a avaliação sobre os Fundos Constitucionais de Financiamento

Economia

Ministério da Economia divulga a avaliação sobre os Fundos Constitucionais de Financiamento

Subsídio

Informações constam da terceira edição do Boletim de Subsídios da União
por publicado: 10/01/2019 14h10 última modificação: 10/01/2019 21h24

A terceira edição do Boletim sobre Subsídios da União, divulgada nesta quarta-feira (09/01), pela Secretaria de Acompanhamento Fiscal, Energia e Loteria do Ministério da Fazenda (Sefel/MF), aborda os Fundos Constitucionais de Financiamento (FCFs), cujos subsídios atingiram em 2016 e 2017, respectivamente, R$ 15,5 bilhões e R$ 13,4 bilhões. 

Benefício (Subsídio) Creditício - em R$ bilhões de 2017

Benefício (Subsídio) Creditício - em R$ bilhões de 2017

 

 

 

 

 

 

 

 

O esforço de avaliação contemplou, além deste boletim, o Relatório de Avaliação dos FCFs e o Seminário 30 Anos de Existência dos Fundos Constitucionais de Financiamento, realizado em 18 de dezembro de 2018, em conjunto com o Ministério da Integração Nacional. 

Na avaliação de impacto sobre diversos indicadores econômicos, tais como emprego formal, Produto Interno Bruto e produtividade do trabalho, verificou-se algum efeito positivo, mas de pequena magnitude, corroborando os resultados observados na literatura e indicando pouca eficácia dos fundos. As causas identificadas para esse baixo impacto foram: governança inadequada; incentivos desalinhados; e monitoramento, avaliação e transparência insuficientes. 

Assim, apesar das recentes medidas para aprimoramento na administração dos fundos, ainda existe espaço para melhorias que contribuam para o ajuste fiscal e a alocação dos recursos públicos em atividades que tragam maior retorno para a sociedade.

Acesse as edições anteriores: