Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notas à imprensa > 2019 > 09 > Começa Saque Imediato do FGTS

Economia

Começa Saque Imediato do FGTS

Nota à imprensa

Medida permite que trabalhadores movimentem até R$ 500 de cada conta
por publicado: 13/09/2019 00h00 última modificação: 16/09/2019 16h01

As medidas do Governo Federal que facilitam o acesso do trabalhador ao dinheiro depositado na sua conta do FGTS começam a valer a partir de hoje, 13 de setembro, com o Saque Imediato depositado na conta poupança dos correntistas da Caixa. Essa medida permite que os trabalhadores movimentem até R$ 500 de cada conta do FGTS, independente se elas são ativas ou inativas. 

Segundo a Caixa, nesta data está disponível para 12 milhões de trabalhadores que terão acesso ao valor total de R$ 5 bilhões. Ou seja, do total a ser liberado pelo Saque Imediato, 12,5% dos 96,5 milhões de brasileiros com contas no FGTS terão acesso ao seu recurso. 

Essa é apenas a primeira parcela do Saque Imediato, pois a liberação do dinheiro continuará neste mês e irá até março de 2020. Os trabalhadores que hoje têm acesso ao seu FGTS são os correntistas da Caixa com conta poupança e que nasceram entre os meses de janeiro a abril. Em seguida virão os trabalhadores correntistas da Caixa nascidos de maio a agosto (em 27 de setembro) e depois os nascidos de setembro a dezembro (em 09 de outubro). 

A disponibilização dos recursos até 09 de outubro atingirá mais de 33 milhões de trabalhadores. Destaque-se a grande adesão dos trabalhadores ao Saque Imediato do FGTS, uma vez que o resultado positivo dessa política está diretamente relacionado ao baixo percentual de trabalhadores que se manifestaram pelo cancelamento automático do depósito do Saque Imediato, apenas 1,7% do total de correntistas com direito. Ou seja, 98,3% dos 33 milhões de trabalhadores correntistas da Caixa receberão recursos do FGTS, equivalendo a 98,7% dos recursos estimados.

Valores do Saque Imediato liberado por mês
Período Valor (R$ bilhões) Quantidade de trabalhadores (milhões)
set/19 9,2 23,2
out/19 8,5 21,1
nov/19 4,6 10,9
dez/19 4,5 10,7
jan/19 6,6 15,6
fev/19 4,3 10,1
mar/19 2,1 4,9
Total 39,9 96,5

Os trabalhadores que não são correntistas da Caixa terão acesso ao Saque Imediato a partir de outubro, podendo recebê-lo em agências da Caixa ou em lotéricas (para valores inferiores a R$100,00). Dessa forma, mais de 62,4 milhões de trabalhadores poderão sacar os recursos do FGTS a partir do próximo mês deste ano até março de 2020, dependendo do mês de nascimento.

A medida do Saque Imediato é parte das mudanças que visam aumentar os direitos dos trabalhadores, dando-lhes acesso a seus recursos e com efeitos positivos sobre o crescimento econômico. O Saque Imediato é a primeira medida de flexibilização do FGTS, priorizando os trabalhadores, sobretudo os de menor renda.