Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > 03 > Secretaria de Previdência e Trabalho reúne superintendentes regionais em Brasília

Economia

Secretaria de Previdência e Trabalho reúne superintendentes regionais em Brasília

Gestão

O encontro, com duração de dois dias, possibilita a troca de experiências para a unificação de ações e o alinhamento de informações sobre a organização do Ministério da Economia
por publicado: 11/03/2019 21h14 última modificação: 11/03/2019 21h16

O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, abriu nesta segunda-feira (11), em Brasília, o encontro com os superintendentes regionais do Trabalho e chefes de Inspeção do Trabalho. A reunião, que prossegue nesta terça-feira (12), tem entre seus objetivos contribuir para a unificação de ações entre as superintendências e possibilitar o alinhamento de informações sobre a organização do Ministério da Economia, o projeto de gestão da Subsecretaria de Inspeção do Trabalho (SIT) e o processo de transformação digital. 

Rogério Marinho destacou o papel das superintendências: “Vocês são a ponta da nossa Secretaria de Previdência e Trabalho”, disse, dirigindo-se aos superintendentes. “É nosso interesse, é nossa intenção unificarmos as ações, os atendimentos e melhoramos os procedimentos que estão sendo colocados à disposição da sociedade. Temos aqui uma missão de dar a eficácia, eficiência e condição de sermos relevantes neste processo tão importante que é a retomada do emprego e do desenvolvimento econômico no país”, ressaltou o secretário. 

Participaram da mesa de abertura o secretário especial adjunto de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco Leal, o secretário de Trabalho, Bruno Dalcolmo, o secretário de Governo Digital, Luís Felipe Monteiro, e o presidente do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), Renato Vieira. “A junção das áreas de Previdência e Trabalho nos colocam na vanguarda do que o mundo todo já fez para que possamos trabalhar em conjunto e fazer com que essas áreas evoluam cada vez mais e ocupem seu verdadeiro caminho”, disse Bruno Bianco. 

O secretário de Trabalho, Bruno Dalcolmo, destacou os desafios tecnológicos dos próximos anos. “Acredito que é preciso investir também na transformação digital, para cada um dos nossos serviços, e ver de que forma eles podem ser sistematizados para atingir um número maior de cidadãos. Precisamos alcançar os mesmos objetivos de fiscalização da saúde e da segurança do trabalhador de maneira mais ágil, utilizando sistemas, cruzando dados. Ou a fiscalização fica mais inteligente ou não vamos dar conta do recado”, enfatizou Dalcolmo. 

Transformação Digital – Segundo o secretário de Trabalho, essa transformação digital contará com o apoio fundamental da Secretaria de Governo Digital. Durante o encontro, Luis Felipe Monteiro reiterou a importância da parceria e apresentou as linhas gerais de atuação do governo e seus principais desafios. “Vivemos em uma economia fortemente baseada em dados, com novos modelos de negócios surgindo todos os dias, em um mundo de dispositivos conectados. A meta do governo é publicar mil novos serviços digitais em 24 meses, lançar a identidade digital e simplificar o registro de empresas. Precisamos simplificar a forma de acesso e avançar em canais digitais, mas do ponto de vista do cidadão”, afirmou. 

O presidente do INSS, Renato Vieira, também apresentou as principais linhas do processo de transformação digital pela qual o órgão passa. De acordo com ele, atualmente mais de 16 milhões de pessoas utilizam o aplicativo MEU INSS. Em 2018, foi contabilizado 160 milhões de acessos e 30% das solicitações já estão sendo feitas de forma remota com maior segurança, eficiência e economia. “Temos muitas semelhanças com a Secretaria de Trabalho. Após passar pela etapa da Modernização das Leis Trabalhistas, vem agora a segunda etapa, de modernização da cultura e dos desafios tecnológicos para transformar o analógico em digital”, disse.   

A relevância da atuação da Fundacentro e a modernização de sua gestão também receberam destaque no primeiro dia do encontro, além do projeto de gestão da SIT, que, segundo o subsecretário de Inspeção do Trabalho, Celso Amorim, “prevê a  simplificação, desburocratização e transparência em todos os processos desenvolvidos”. E antecipou: “A ideia é que possamos utilizar de integração com outros órgãos”. 

O primeiro dia do evento foi encerrado com a apresentação dos superintendentes do Ceará, Fábio Zech Sylvestre, e de São Paulo, Marco António Melchior, sobre as diferentes realidades e desafios de suas regionais.   

Nesta terça-feira (12) será realizada, no período da manhã, uma oficina para troca de experiências, apresentação das melhores práticas por região, principais problemas e propostas de solução. À tarde haverá discussões sobre temas relacionados a governança e controle interno e externo na Secretaria e nas superintendências.  

 

Ministério da Economia
Secretária Especial de Previdência e Trabalho
Assessoria de Imprensa
Indiara Oliveira
(61) 2021-5449