Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > 10 > Tesouro lança Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal Estadual

Economia

Tesouro lança Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal Estadual

Estados

Objetivo é avaliar a consistência da informação publicada pelos estados no Siconfi
por publicado: 22/10/2019 12h45 última modificação: 22/10/2019 15h50

O Tesouro Nacional lançou nesta terça-feira (22/10) o Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal Estadual no Siconfi.

O objetivo do ranking é avaliar a consistência da informação publicada pelos estados no Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público (Siconfi), e estimular a melhoria da qualidade dessa informação.

A pontuação no ranking é calculada com base na média geral de acertos e no desvio-padrão e leva em conta quatro dimensões de avaliação: gestão da informação, contábil, fiscal e contábil x fiscal.

Nesta primeira versão do ranking, feita com base em dados de 2018 extraídos do Siconfi em 12 de junho deste ano, a primeira dimensão ainda não foi aplicada. Ela entrará no ranking referente ao exercício de 2019, quando também deverá ser inserida a Matriz de Saldos Contábeis (MSC) entre as fontes de informação.  

Sergipe foi o grande vencedor nesta estreia do ranking, ficando 30,88 pontos acima da média geral dos estados, seguido por Espírito Santo e Rondônia, com 26,38 e 21,88 pontos, respectivamente. Na outra ponta, Roraima, Rio Grande do Norte e Amapá apresentaram os piores resultados.

O ranking soma-se, assim, a uma série de iniciativas que vêm sendo conduzidas pelo Tesouro Nacional para melhorar a disponibilização e a qualidade da informação contábil de toda a Federação.

Essas iniciativas incluem, por exemplo, a campanha nas redes sociais do Tesouro pela adesão dos municípios à Matriz de Saldos Contábeis, o lançamento de uma série de vídeos explicativos sobre o funcionamento da Matriz no canal da instituição no YouTube, a criação do painel Visão Integrada das Dívidas da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios e a promoção, em parceria com o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), do Seminário Brasileiro de Contabilidade e Custos Aplicados ao Setor Público, o SBCASP.